0800 773 6099
24 horas por dia, todos os dias do ano

Faturas Online Serviços Online
10/08
Saiu na Mídia

RP pode ter ônibus a gás

O objetivo do GaBih é identi­ficar, selecionar e captar startups e empreendedores que possam gerar soluções para atendimen­to ao mercado do gás natural na região, proporcionando uma melhoria na experiência dos consumidores. A parceria entre o parque tecnológico e a em­presa foi selada com a presença do prefeito Duarte Nogueira (PSDB), do presidente do Supe­ra Parque, Sandro Scarpelini, e de Alex Gasparetto, diretor-pre­sidente da GasBrasiliano, entre outras autoridades.

No encontro, foi anuncia­da a realização de um estudo sobre a aplicação do gás na­tural e biometano como com­bustível de transição energé­tica no transporte público de Ribeirão Preto. O projeto será totalmente fomentado pela distribuidora de gás, que atende a região em parceria com a Agência Reguladora de Serviços Públicos do Es­tado de São Paulo (Arsesp), e será executado pela Consulgas.

Estudo
O estudo promovido pela GasBrasiliano vai elaborar uma base comparativa entre o gás na­tural e o biometano, sob a ótica da gestão de transporte público do município. O resultado será a comparação entre as alternativas existentes, a avaliação de como as duas opções citadas anterior­mente se posicionam na transição energética, e um relatório sobre os impactos nas contas públicas, nas tarifas e no meio ambiente.

A tecnologia emprega­da nos veículos a gás natural veicular (GNV) e biometano, utilizados no estudo, já atende à norma Euro 6 que será exigi­da a partir de 2023. A conclu­são será compartilhada com a Prefeitura com o objetivo de contribuir para a tomada de decisão em relação à revisão da estratégia de matriz energética municipal e ao Plano de Mobi­lidade Urbana (PMOB). Para a distribuidora, o estudo contri­buirá para alavancar a inserção do gás natural e do biometano no segmento de frotas pesadas.

Parceira
O gerente do Supera Par­que, Eduardo Cicconi, afirma que a parceria do complexo tecnológico, por meio do Su­peraLab, com a GasBrasiliano tem o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconô­mico da região por meio da geração de inovação. “O em­preendedorismo e a inovação tecnológica estão no DNA do Supera Parque”, diz.

Com o SuperaLab, o Par­que Tecnológico busca contri­buir de forma sistemática com o ecossistema de inovação, ge­rando um conjunto de práticas inovadoras e proporcionan­do insights e conexões entre os atores. O laboratório conta com uma estrutura física de es­paço compartilhado, com 170 metros quadrados – disponível para receber times de inovação das empresas parceiras, com mesas fixa de trabalho; espaço para eventos e para reuniões.

Supera Parque
O Supera Parque de Inova­ção e Tecnologia de Ribeirão Preto é gerido pela Fundação Instituto Pólo Avançado da Saúde (Fipase), resultado de uma parceria entre Universi­dade de São Paulo (USP), pre­feitura de Ribeirão Preto e Se­cretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo.

Instalado no campus da USP, abriga a Supera Incuba­dora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a asso­ciação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Ne­gócios. Ao todo, são 82 empre­sas instaladas.

São 60 no Supera Incubado­ra de Empresas de Base Tecno­lógica e 22 empreendimentos no Centro de Negócios. O parque tecnológico está em expansão com a urbanização de lotes para instalação de empresas e a im­plantação do Container Park, um novo complexo empresa­rial. Outras informações sobre o Parque estão disponíveis no site superaparque.com.br.

  • Cocal investe em etanol e em unidade de biogás Com aporte de US$ 70 milhões, empresa paulista aumenta a aposta na renovação de sua matriz energética

    O Grupo Cocal vai investir US$ 70 milhões para ampliar sua produção de etanol e renovar sua matriz energética. Os recursos serão usados na construção de uma fábrica de biogás, produzido a partir do processamento de subprodutos da moagem da cana-de-açúcar. O insumo será transformado em biometano e energia elétrica para abastecer residências, comércio, indústrias e veículos no interior de São Paulo.

  • Planos da GasBrasiliano para integração dos setores de agronegócio e gás

    A GasBrasiliano, controlada pela estatal de petróleo e gás Petrobras por meio de sua holding de distribuição Gaspetro, é responsável pela distribuição de gás natural por dutos em 375 municípios do noroeste do estado de São Paulo.

  • GasBrasiliano inicia negociação com 6 potenciais supridores de gás natural

    A GasBrasiliano informou que selecionou seis potenciais supridores para seguir na fase de negociação da chamada pública coordenada (CP22), aberta por cinco concessionárias, para contratação de gás.